Seu site está preparado para 2017, o Ano da Internet Segura?

Seu site está preparado para 2017, o Ano da Internet Segura?

Sabe o que é HTTPS? Porque pagar por isso e deixar de ser somente um http?

Simples: seu site pode estar mal ranqueado pelos buscadores ou sendo indicado como malicioso.

 

                     

Mas em quais tipos de site essa “negativação” acontece?

Naqueles que precisam de login de usuário. É o seu caso?

 

Mas eu não tenho área de login. Devo pagar por um serviço HTTPS?

Sim, se você quiser maior destaque no Google, Bing e demais buscadores.

 

Explicando: o “https” que é exibido na barra de endereços do navegador isso significa que o site possui um certificado SSL instalado.

O SSL é um protocolo de comunicação que cria um canal criptografado entre o servidor e o navegador, para garantir o sigilo e a segurança dos dados transmitidos. É utilizado para tornar mais seguros atividades em áreas com acesso restrito. É visivelmente identificado em website pelo “cadeado fechado” na barra de endereço do site.

Desde de 2014 a Google vem considerando o uso do SSL importante no posicionamento dos sites nas páginas de resultado, isso foi o Start para o começo do movimento da internet mais segura. Só que em 2017 mais precisamente em janeiro se tornou obrigatório a utilização do SSL para formulários que precisem de autenticação, senhas e cartão de Crédito e os navegadores, principalmente o Firefox, estão desaconselhando sites com login e sem SSL.

 

Sendo assim se seu site não utiliza, 90% dos seus visitantes vão visualizar uma mensagem de “não seguro” não trazendo uma boa visibilidade para seu site e inibindo outros possíveis visitante a acessa-lo. Existem duas forma de adquiri o SSL. Através do meio pago ou de forma gratuita e temporária com a ajuda de um programador.